Pages - Menu

Como cuidar de suas esponjas, pincéis e aplicadores de maquiagem

Aplicadores de sombra de espuminha na(s) ponta(s)


Voces sabiam que esses ítens são um dos mais importante na maquiagem e também os que podem deixar sua pele comprometida? Eu explico!

É que as esponjas (e dos aplicadores), são os maiores vilões de bactérias e fungos que podem deixar sua pele com diversos problemas como: acne, micose de pele, cravos (comedão), e até doenças
transmissíveis.

Então vai aqui uma dica, lave suas esponjas e deixe-as secar ao sol, faça o mesmo com os aplicadores, nada de deixar no estojinho. O problema pior é quando seus aplicadores ou esponjas já estão se dissolvendo, é sinal que tem tanta bactéria que já infectou suas maquiagens, digo o estojo todo da sombra, ou do pó compacto.

Bem, então o melhor a fazer é ou jogar fora ou retirar todas as esponjas do pó compacto e os aplicadores dos estojos e guardar separados, isso se você não usa a maquiagem há muito tempo. Agora se você usa constantemente então, troque as esponjas ou aplicadores a cada 2 meses, e lave-os a cada semana. Outra coisa, lave seus pinceis a cada semana e seque sempre no sol, não use o secador.

Outra coisa NUNCA GUARDE SUAS MAQUIAGENS NO BANHEIRO é o pior lugar para as maquiagem, pois no banheiro com o vapor do chuveiro e a umidade estragam as maquiagem e a vida útil dos produtos !!!

Lave as esponjas, pincéis e aplicadores com um sabonete antiséptico, eu uso o protex é muito bom!

Gente isso é sério! Já vi gente que pegou dermatite e doença de pele por causa dos pincéis, esponjas ou aplicadores que o maquiador usa em todo mundo e não lava, o certo é ir ao cabeleireiro ou maquiador e pedir para usar aplicador descartável ou o pincel limpo e se for usar a esponja, pede para ver se esta limpa. Agora se você quer se prevenir, leve seus pincéis e suas esponjas, esponja é baratinho e vale a pena, lembre-se disso.

Veja abaixo uma relação de bactérias e fungos que podem comprometer sua pele e saúde, por causa de esponjas, pincéis e aplicadores que não são higienizados adequadamente:

Vale a pena ler

Doenças causadas por fungos:
1) Dermatofitoses: são doenças causadas por um grupo de fungos que, geralmente, em vida parasitária, vivem à custa da ceratina da pele, pêlos e unhas. Agrupam-se sob esta denominação fungos do gênero Trichophyton, Microsporum e Epidermophyton. As dermatofitoses representam a infecção mais comum do homem. A prevalência é maior nas zonas tropical e subtropical, em regiões de clima quente e úmido. Há diversos quadros clínicos bem individualizados: dermatofitose do couro cabeludo (tinea capitis), dermatofitose do corpo (tinea corporis), dermatofitose marginada (tinea cruris), dermatofitose dos pés (tinea pedis), etc..etc...

2)Candidíases: micose produzida essencialmente pela Candida albicans e, infrequentemente, por outras espécies de Candida, comprometendo, isolada ou conjuntamente, mucosas, pele e unhas e, raramente, outros órgãos. Os quadros clínicos são: candidíase oral, candidíase intertriginosa, candidíase ungueal e periungueal, vaginites e balanites, candidíase mucocutânea crônica e candidíase visceral.

3)Onicomicose: corresponde a qualquer infecção do leito ungueal causada por fungos. Por serem crônicas e recalcitrantes à terapia, representam uma fonte endógena para o acometimento de outras áreas, em especial os pés. Os principais dermatófitos causadores são: T.rubrum, T.mentagrophytes var.interdigitale e E. flocosum.

Doenças causadas por bactérias:
1) Impetigos: são infecções piogênicas primárias da pele, contagiosas, superficiais, produzidas pelos estafilococos e estreptococos. Têm como características gerais a formação de vesículas ou bolhas que rapidamente se transformam em pústulas e rompem-se originando lesões exulcerocrostosas que lembram queimadura de cigarro. Atinge preferencialmente a face e membros superiores.

2)Erisipela: é uma infecção estreptocócica da derme profunda e hipoderme, com importante comprometimento linfático. Manifesta-se por eritema vivo e intenso, edema doloroso, com bordas bem delimitadas, que avançam rapidamente sobre a pele circunvizinha. Quando o processo é intenso, surgem bolhas e até mesmo necrose com ulceração posterior.

3)Escarlatina: caracteriza-se por uma erupção universal eritematoedematodescamativa, acompanhada de febre e sintomas de infecção. O quadro inicia-se por infecção estreptocócica das vias aéreas superiores, em indivíduos com deficiência de anticorpos contra a toxina eritrogênica estreptocócica.

Doenças causadas por vírus:
1)Verrugas: são infecções localizadas, produzidas pelo subgrupo papova, cujo vírus é auto-inoculável, incidindo mais usualmente em crianças escolares. Apresentam as seguintes formas clínicas: verruga vulgar, verruga plantar, verruga plana, verruga filiforme, verruga genital ou condiloma acuminado.

2)Herpes Simples: caracteriza-se clinicamente pela formação de vesículas túrgidas e brilhantes, dispostas, em geral, em grupo de 5 a 10 lesões que lembram cacho de uva, em torno de orifícios (boca, vulva, ânus). Pode estar acompanhado de manifestações prodrômicas, como sensação de parestesia local, seguida de discreto eritema.

3)Molusco Contagioso: dermatose produzida pelo maior vírus que se conhece e que pertence ao grupo Poxvírus. As lesões são pápulas cônicas, com certo brilho, medindo, em média, 5mm, podendo apesar disso haver lesões "gigantes"; elas apresentam umbilicação central, nem sempre são numerosas e localizam-se preferentemente no tronco, podendo contudo ocorrer em qualquer parte da pele.

Doenças causadas por parasitas:
1)Escabiose Humana: doença contagiosa produzida pelo Sarcoptes scabiei var.hominis, que produz uma dermatose pruriginosa, predominantemente noturna. O parasita é exclusivo da pele do homem, morrendo no espaço de algumas horas, quando fora dela. A lesão típica é o túnel, que mede 5-15 mm, de cor acinzentada-clara ou da cor da pele, em geral sinuoso, tendo na extremidade migrante uma pequena vesícula do tamanho de uma cabeça de alfinete. Localizam-se preferentemente nos dedos, pregas interdigitais, punhos, cotovelos, mamilos (sobretudo nas mulheres), pregas axilares, genitália, nádegas e hipogástrio.

Observação Importante: O mesmo para os produtos de maquiagem e cosméticos com a data de validade vencida, não usem, joguem fora, principalmente rímel e delineadores. Sombras que ficam anos guardadas são um perigo!!! tá dado o recado!!!

Dica: Prefira comprar estojos de makes pequenos, e com cores que vocês sempre usam, ou então se for mudar de cor de sombra, compre as sombras de estojo avulso ou no máximo duo de sombra, o mesmo com o pó e base, compre sempre embalagens/potes pequenos, é melhor, porque assim você vai sempre estar renovando suas makes!

Se preferir ao invés de guardar suas make no banheiro, prefira guardar em organizadores, são fáceis de achar e ficam um graça.





Fonte: Rede Arte de Se Maquiar